domingo, 11 de janeiro de 2009

São Paulo vista por uma paulistana: Mercado Municipal!

Domingo como prometido daremos continuidade a "série" (ai, não sei se posso chamar assim, enfim...vamos prosseguir com estas "reportagens" sobre São Paulo, minha querida cidade!)

Andei pensando depois que começamos a semana passada, e decidi que Domingo realmente seria o melhor dia pra fazer isso...até porque pra elaborar o post, é preciso um pouco bom de pesquisas, confrontar dados e fatos...enfim, é um trabalho bem prazeroso que eu estou gostando muito...

Quero aproveitar pra agradecer vocês pela repercussão da semana passada! Fiquei muito feliz, e realmente não estava esperando um retorno tão bom da parte de vocês...Obrigada mesmo, de coração!

Mas vamos parar de enrolar e saber mais sobre a magnífica história do Mercado Municipal de SP? O famoso Mercadão que tanto adoramos...

O Mercado Municipal surgiu na época em que São Paulo era a Metrópole do Café . A sociedade não estava contente com o então Mercado conhecido como "Mercado dos caipiras, ou Mercado grande". Ele era "pobre" demais para uma cidade rica, em plena ascenção como São Paulo. Em 1924 fora aprovada a lei para a então construção ordenado pelo então prefeito da cidade José Pires do Rio.

Ramos de Azevedo assina a arquitetura;
Felisberto Ranzini assina a fachada;
O russo Conrado Sorgenicht fora o responsavel pelos vitrais.

Projetado por Ramos de Azevedo, desde 1926 ao lado do Rio Tamanduateí (para facilitar o transporte feito por barcos, na época das fazendas do interior do Estado, e também do Exterior que vinham carregadas de frutas, legumes e verduras), o Mercado Municipal, também conhecido como "Mercadão" está situado entre os extintos jardins do Parque Dom Pedro I e o Rio (extintamente navegável, Tamanduateí).

A foto abaixo, o mostra em meados de 1890 quando ainda era o "Mercado dos caipiras" :

A próxima foto, já o mostra em 1928 - quase pronto.Seu projeto levou 06 anos para completa conclusão, já que possui mais de 12.6oom² de área construída, 10 metros de pé direito, sustentado por imponentes colunas...Sua estrutura nos dá a impressão de fartura. Todos os detalhes, foram perfeitamente calculados; como os 55 vitrais em estilo gótico vindos da Alemanha.

A próxima foto é do seu ano de "inauguração oficial", em 1933. Antes deste período - entre 1927 e 1932, o complexo serviu como quartel e deposito de armas para a Revolução de 32 . Sua obra ficara oficialmente pronta em 1932, porém sua inauguraçao acontecera somente no ano seguinte, 1933 - mais precisamente no dia 25 de Janeiro, dia do aniversário da Cidade.

Ramos de Azevedo porém, não pode ver sua obra concluída, ja que falecera em 1928.


No ano de 1973 fora cogitada sua demolição, por não apresentar condições de higiene e segurança.

Em 1980, acontecera a primeira reforma - pequena, porém necessária.

Em 1990, a segunda - também pequena.

Finalmente em 2004 houve a Grande Reforma, restaurando-o com suas características originais, e enriquecendo-o ainda mais...

O Mercado Municipal, conta atualmente com 1600 funcionários, que movimentam mais de 350 toneladas de alimentos, em seus 291 boxes. Recebe uma média diária de 14 mil visitantes, vindos de todas as partes do mundo...

É possível encontrar frutas, verduras e legumes vindos de todos os lugares, sempre bem conservados e fresquinhos - acreditem, o ano todo!
Além disso também, é possível encontrar uma imensa e infita quantidade de vinhos, queijos, azeites e temperos em seus empórios, sempre abastecidos com produtos de primeiríssima qualidade...

Hoje, é possivel encontrar neste lugar tão incrivel um clima de várias faces: onde luxo, cotidiano, modernidade, tranquilidade e educação dos vendedores, convivem em plena harmonia.

É o mais tradicional ponto Gourmet da cidade, e você, independente de ser turista, ou paulistano quando passar por lá, não pode deixar de experimentar o indescrtível Pastel de Bacalhau, e o magnífico (e também imenso) Sanduíche de Mortadela.

Esta é uma pequena mostra, de uma das mais belas arquiteturas da cidade - o Mercado Municipal, conhecido popularmente como "Mercadão"! Não deixe de conferir quando estiver por perto...

Mais uma vez, agradeço a todos pela atenção...espero que tenham gostado. Estou pesquisando os próximos personagens para a semana que vem...e você que nao é paulistano, ou não mora aqui, caso tenha curiosidade de conhecer alguma história da cidade, peço que por favor entre em contato comigo e me mande o tema escolhido, ok?

Otima semana pra todos!

Beijos.

13 comentários:

paula barros disse...

Oi, Aline

Estou gostando muito, um linda arquitetura tem o Mercado. Adoro observar as fotos.

Você escreve super bem.

Pensei no zoológico para você falar dele. Ganhei um livro do zoológico de São Paulo quando tinha uns dez anos, e lembrei dele agora.


abraços

Jader Araújo dos Santos disse...

Eu gostei do seu blog.
Além de ser interressante, ele é divertido, quando visualizamos, não cansa de ler ...

Muito bom esse post. Parar para olhar (de verdade) São Paulo, é sempre muito bom e muito reconfortante!

Bjos

Jader '
PLANO B
http://pontocriticocultural.blogspot.com/

Retribuindo a passada no PLANO B!

Érika Luísa disse...

MERCADO MUNICIPAL HOJE É MAIS QUE UM CENTRO COMERCIAL DE HORTI-FRUTTI É UM MARCO NA CIDADE DE SÃO PAULO!=)

Única e Exclusiva disse...

Adorei amada. Foi é uma iluminada. Descreve com precisão e nitidez sua cidade (um dia vou conhecer tudinho).

Beijokas :**********

Obrigada pela sua visita, que bom que gosta da frase do cabeçalho do meu blog! ^.^

Cadinho RoCo disse...

Muito interessante esta sua iniciativa porque São Paulo é uma cidade que tem relação direta com o Brasil inteiro, seja por sua população que envolve gente de todo país, seja por sua importância enquanto maior cidade do Brasil. E esta publicação do Mercado Municipal está ótima. Parabéns.
Cadinho RoCo

meus instantes e momentos disse...

Sempre que vou em aí,e estou com tempo vago passo no mercado. Muito bom.
E teu blog cada vez melhor, um monte de beijos minha linda.
Maurizio

cida do patrocinio disse...

Adorei as fotos,as reportagens, muito bem colocadas mesmos.E o Mercado Municipal merece mesmo destaque.Um local exotico, onde encontramos de tudo, e todos os estilos e tipos de pessoas e culturas.Sucesso em suas colocações aqui Allyne, estão otimas.Me surpreende muito e me deixa feliz.
Grande beijoooooo

Flávia e Kbça disse...

esse é um dos poucos lugares que gosto em sampa, sempre vou visitar meu tio, dou uma passada lá para comer um pastel de bacalhau, que até hoje, se encontro lá!!

abraço.

vonihering disse...

Nossa... de São Paulo só conheço os Tribunais...

Quando voltar aí, voi dar uma passada nesse mercado. Parece ser 10.

Parabéns pelo blog

Aline disse...

oi Xará!
adorei seu post sobre o mercadão,muito bem escrito,e, as fotos estão lindas!
vou acompanhar seu blog também!

beeijos

Words and Movies disse...

Oie querida. Vc está me deixando com mais vontade de ir visitar SP de novo. Hehehehe
estou adorando seus posts!
Humm..outra coisa... vc que gosta muito de música eletrônica deveria postar aqui no blog um "Manual de Música Eletrônica para leigos". Eu sou uma delas...
Ia adorar conhecer mais sobre...pq acho bem legal mas n sei diferenciar as "vertentes", se é q posso chamar assim !
hehehhe
Bjão querida e até mais !

Bill Falcão disse...

Excelente idéia, Allyne, essa de mostrar locais tradicionais de São Paulo. Ainda mais pra mim, que só vou aí rapidamente, a trabalho, sem tempo pra conhecer a cidade.
Bjooooooooooooo!!!!!!!!!!!

vonihering disse...

pois é.. Sou advogado, mas geralmente to aí no TRF, que fica na Av. Paulista...

Poxa, correu do Juri??? Eh muito interessante participar de um. Bom, eu pelo menos gosto!!!

Seria uma honra te-la aqui em nossa cidade... quando vier me avisa.

Adicionei seu banner la...

um beijo